Moda

5 Coisas para começar o método Capsule Wardrobe

Heey! Primeiro post no blog sobre Moda aqui no Caos! Quero falar sobre esse assunto há algum tempo, então vamos lá!

Esse post é para você, se: 

1) Você acha que nunca tem roupa suficiente no seu guarda-roupa.

2) Se você ainda não encontrou seu estilo e não sabe o que fica bem em você.

3) Se você tem muita roupa, mas nada combina quando você precisa.

Dica durante a leitura:

Mantenha o site Pinterest aberto e pire nas fotos!


Em 2016 percebi que além de eu não me sentir confortável usando as minhas roupas, na maioria das vezes a palavra “bonita” nem me passava pela cabeça. Isso sem contar o fato de que elas simplesmente não eram “a minha cara”. Assim, eu resolvi mudar isso. A decisão foi tomada, mas eu não sabia por onde começar.

Eu fiz uma lista (aloka das listas, sempre) de problemas que eu tinha que resolucionar no meu guarda-roupa.

  1. Eu não uso tudo o que tem nele;
  2. Eu não gosto de tudo o que tenho;
  3. Eu não me sinto confortável com a maioria das roupas;
  4. Não tenho R$ nem US$ para pagar um guarda-roupa novo completo e
  5. Quero encontrar o meu estilo.

Na internet fui procurando coisas como “encontrar seu estilo”, “o que fica melhor no meu biotipo” e por aí vai. Não conheço uma garota do século XXI que não tenha feito esta busca no Google pelo menos uma vez na vida. Achei dicas maravilhosas mas nenhum plano infalível. Até que encontrei a Capsule Wardrobe.

O que é o método Capsule Wardrobe?

Em português conhecido como “Guarda-Roupa Cápsula”. Siiim. Também prefiro em inglês! De acordo com Veruska Olivieri, consultora de imagem, o CW foi usado pela primeira vez por Susie Faux, na década de 70 e “se tratava de uma coleção de peças básicas e atemporais que, aliadas a peças de estação, deixariam a pessoa sempre bem vestida e atual (um exemplo desse tipo de roupa é a clássica camisa branca de botões)”.

Mas “foi apenas em 1985 que o conceito se popularizou, quando a estilista americana Donna Karan lançou uma coleção de sete peças que se complementavam e colocavam em prática o conceito.”

Então o método é exatamente isto: Sua coleção de roupa, serão todas combinadas entre si, fazendo com que a combinação de peças sejam maior do que você tem hoje e você só terá roupas que usa, que se sente bem e que sejam apropriadas para cada atividade da sua vida sem precisar ter muuuito no seu guarda-roupa.

Graças á Donna, vieram vários projetos inspirados na Capsula que vão mais adiante do que o simples método de “7 peças básicas”.

Exemplo de Cápsula:

exemplo de capsula.jpg
Fonte: Flipand Style

COMEÇANDO A MONTAR A CÁPSULA…

1. DESCUBRA SEU ESTILO

Abra o seu guarda-roupa e veja se você é mais clássica, prática ou romântica. Tem mais tons neutros ou coloridos? Veja se o que você já tem te agrada de verdade.

Por exemplo: Eu possuo muitas peças coloridas mas eu sou apaixonada por tons de cinza e marrons. Tem alguma coisa errada aí, não tem? Quer dizer que minhas compras não condizem com meu gosto verdadeiro.

Vá no Pinterest e monte uma pasta só com looks que você consegue se imaginar vestindo!

Dica: Faça esta lista seguinte (ou imprima a imagem) e preencha os espaços das imagens que eu fiz a seguir, que já é um bom primeiro passo 😉

passo-1-capsule-wardrobe

passo-2-capsule-wardrobe

2. ESCOLHA UMA PALETA DE CORES PARA VOCÊ MESMA

paleteEscolher as cores da paleta de cores tem que ser fácil. Você precisa ver as cores que você mais ama usar e combina-las com cores neutras. Uma coisa que ajuda a decidir sua paleta é fazer um teste de cores. Quando você descobre se ao ter cabelos castanhos e pele  morena fica melhor com tal cor, simplifica tudo o mais. Não é para radicalizar, é só para ajudar!

Lembre se apenas de que quanto mais reduzir as cores da sua paleta, melhor ficará sua Capsula. Detalhe: você sempre deve ter cores neutras, como o preto, o nude ou o branco na sua paleta.

Leia este post (www) em inglês sobre criação da paleta.

3. SEU ESTILO DE VIDA DIZ TUDO SOBRE VOCÊ

Essa é a hora que você precisa ver na prática a realidade das suas roupas. Preencha este círculo fazendo um gráfico representativo da sua vida.

passo-3capsule-wardrobe

Pergunte a você mesma o que você faz durante o dia? Fica em casa, dorme, trabalha, estuda..? Você precisa se adequar á sua vida. O melhor que você pode fazer por si mesma é começar pelo mais necessário.

Exemplo: Durante 24h o que eu mais faço é trabalhar e estudar na faculdade, logo em seguida. Nesse caso, preciso de algo elegante e ao mesmo tempo confortável já que uso transporte público. E agora o que eu compro?

Viram? Não foi tão difícil assim…

4. COMPRE PRIMEIRO O QUE SUSIE FAUX TE INDICOU NOS ANOS 70

Obs. Se você for em sites gringos sobre este assunto, esta seria a hora da dica que eles mais mostram nas redes sociais: o clima. Elas (as gringas e brasileiras também) aconselham a fazer 4 capsulas durante o ano, cada uma para uma estação e cada capsula “duraria” 3 meses. Eu não acho muito útil aqui no Brasil (pelo menos aqui em Sampa) já que o clima é horrivelmente bipolar. A “cidade da garoa” devia mudar de nome,. porquê nem a garoa mais cai do mesmo jeito.

Então para mim não iria dar certo. Além de que amo blusa de manga mesmo no calor e blusa de alça mesmo no frio. #SomosTodosBipolar

Sinta-se a vontade para fazer 4 Capsulas por ano. Prefiro fazer Capsulas pelo contexto e necessidade – Depois explico

Vamos à minha dica número QUATRO! Você pode estar bem empolgado para começar a Capsula mas vamos lá ser realistas: Se você é como eu que trabalha, trabalha e trabalha mas não tem um tostão, então minha colega, você terá que fazer isso aos poucos.

Minha sugestão: Pegue a lista que você fez sobre roupas que você não gosta e venda (ou doe) todas as peças. O importante aqui é você ver o seu guarda-roupa em transição e ao mesmo tempo entrar uma graninha ($$$$$) para te ajudar.

Venda no mercado livre, no Enjoei ou no brecho. Simplesmente se desfaça das roupas que você já definiu na lista do “NÃO”!

Você pode fazer a Capsula do seu jeito, com seu gosto e dentro do seu orçamento. Mas é legal fazer o primordial para estar 100% neste método: SER FUNCIONAL.

Exemplo de peças básicas:

guarda-roupa-minimalista-unfancy.jpg
Un Fancy

Viram quantos looks dá para se fazer com poucas peças? É maravilhoso!

5. DEPOIS DO BÁSICO, SE ADAPTE AO SÉC. XXI

Eu acho essa parte primordial, porquê você vai planejar o que fazer daqui para frente. Até aqui temos as cores, as marcas, o espaço no guarda-roupa e o básico para você sobreviver e ser moderna ao mesmo tempo.

Pesquise e veja se alguma blogueira adepta à este método (como a Un Fancy) planeja suas cápsulas de um jeito que te agrade.

Por exemplo:

  • Projeto 333 (viver três meses com apenas 33 itens e não comprar nada durantes este tempo)
  • Cladwell (Fazer seu Guarda-roupa cápsula de um jeito minimalista só comprando marcas éticas)
  • Crie o seu jeito, lembrando que o projeto é funcional e minimalista. As pessoas esquecem disto no meio do caminho.

Seja uma boa consumidora. Algumas pessoas contam bolsas, sapatos e acessórios como roupa. Outras não. Você decide!

POR FIM… VALE A PENA ADERIR AO MÉTODO?

Ao meu ver o método possui várias coisas para se adaptar e pensar. Primeiro o fato de pensar no consumismo como algo controlado e limitado. Eu nunca fui impulsiva para compras, mas isso ajuda muito à quem é. Segundo  acho que foi o mais ação e menos papo sobre as compras sendo consciente (como citado) e tudo isso caminhando para achar o meu estilo! Terceiro motivo e mais importante do porquê eu acredito no método: isso me fez pensar mais nas marcas e ética de trabalho. Nesse sentido, comparo muito quando alguém vira para você e fala “Virei vegetariano porquê não quero fazer parte desse processo que não acreditoe por mais que eu pense que é preciso mais do que isso, foi por este caminho que fui ao analisar a ética das empresas textis. Imagina que viro para você e falo “Não compro mais roupa de tal marca e em tal lugar porquê não quero fazer parte desse processo de escravização humana”. (Vou fazer um post sobre isso porquê é um assunto que quero discutir na internet).

Vocês gostaram deste assunto aqui no blog?

Comentem!

Imagem em destaque: Graphy

Anúncios

4 thoughts on “5 Coisas para começar o método Capsule Wardrobe”

  1. Amei o post, achei super interessante a técnica e vou tentar aderir. Já tinha visto alguns comentários sobre isso antes, se não me engando o Mark do facebook é adepto e etc.
    Não conhecia seu blog, mas estou apaixonada de verdade (se não for muito incômodo, você poderia olhar o meu? acabei de começar k)
    enfim, beijinhos

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s